Bisneta radical

VW Multivan estreia como a 7ª geração da Kombi, com conforto e potência

Marcelo Jabulas
@mjabulas
Publicado em 11/05/2022 às 11:26.

Se por aqui a Kombi se aposentou no apagar de 2013, lá fora a Velha Guerreira segue com a força toda. A Volkswagen acaba de apresentar a Multivan atualizada. A grande novidade é a adoção da motorização híbrida ao modelo, que está em sua sétima geração.

A atual geração, apresentada no ano passado, passou a ser construída sobre a plataforma modular MQB, a mesma utilizada no Brasil no Polo, Virtus, T-Cross e Nivus. Essa plataforma permite esticar o carro. Para se ter uma ideia a Multivan, que ainda conviverá com a antecessora T6 (como versão de transporte de volumes), tem 4,97 m de comprimento na versão padrão e pode subir para 5,17 m na opção estendida. O entre-eixos é de longos 3,12 m. 

Os focos dessa Kombi de luxo são o transporte de passageiros e também servir como carro familiar. Por dentro, quadro de instrumentos digital, multimídia, ar-condicionado digital, abertura elétrica das portas traseiras deslizantes, partida sem chave, assistentes de condução e tudo que se espera de um carro moderno. 

A Multivan ainda pode receber teto solar panorâmico, pintura em dois tons, sistema de áudio Harman Kardon, rodas de liga leve e diferentes arranjos dos bancos. Na segunda fileira há dois bancos individuais, com console, mesinha e encostos de cotovelo. 

Na terceira fileira há três bancos. Todos os assentos são rebatíveis, o que permite praticidade no transporte de volumes, quando necessário. Mesmo assim, atrás da terceira fila ainda há 469 litros de bagagem. Com todos bancos rebatidos, o volume sobe para 3.672 litros e 4 mil litros na versão estendida.

Motores da Multivan

O Multivan é equipado com três motores, partindo da unidade TSI 1.5 de 136 cv. Num degrau acima figura o bloco 2.0 turbo de 204 cv, é o mesmo motor que por aqui equipa o Jetta GLI, mas com uma calibração mais “mansa”. 

Mas a cereja do bolo está na versão eHybrid que combina o conhecido 250 TSI 1.4 de 150 cv com uma unidade elétrica de 85 kW. A potência combinada é de 218 cv. Em todas as versões a transmissão é automatizada de dupla embreagem e sete marchas.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por