Atlético

Antonio Mohamed estava livre no mercado desde sua saída do Monterrey em novembro de 2020

O Atlético já tem definido o substituto de Cuca, que pediu demissão em 28 de dezembro. O argentino Antonio "El Turco" Mohamed, de 51 anos, será o técnico do Galo na temporada 2022. A confirmação do acerto foi noticiada inicialmente pelo ge.com.

Antes de chegar a um acordo com Mohamed, a diretoria do clube alvinegro tentou outros três treinadores, mas não obteve sucesso nas negociações com os portugueses Jorge Jesus e Carlos Carvalhal e com o argentino Eduardo Berizzo.

"El Turco" esteve presente em um dos momentos mais marcantes da história do Atlético. Ele foi o comandante do Tijuana na Copa Libertadores de 2013. Nas quartas de final, o time mexicano foi eliminado pelo Atlético, depois de Victor defender, com o pé esquerdo, um pênalti cobrado por Riascos nos minutos finais.

A presença do Tijuana naquela edição da Libertadores foi confirmada graças ao título do Torneio Apertura em 2012. Aquele foi um dos cinco títulos nacionais da carreira de "Ele Turco" como treinador.

Títulos na Argentina e no México

Antes de ser campeão mexicano pelo Tijuana, Mohamed conquistou o título da Segunda Divisão do Campeonato Argentino, pelo Huracán, em 2007. 

Porém, foi no futebol mexicano onde o treinador mais se destacou. Em 2014, ele voltou a ser campeão nacional, mas à frente do América. 

Como técnico do Monterrey, em duas passagens, foram três títulos. Em 2017 e 2020, levou a Copa Mexicana. Já em 2019, foi a vez de ser campeão da Liga Mexicana.

Além dos cinco títulos nacionais, "El Turco" Mohamed tem uma conquista internacional como treinador. Em 2010, venceu a Copa Sul-Americana com o Independiente, ao superar o Goiás na final. 

Em competições internacionais, o técnico argentino tem ainda um terceiro lugar no Mundial de Clubes da Fifa de 2019. Na semifinal, o Monterrey, sob seu comando, caiu diante do Liverpool, por 2 a 1, ao sofrer um gol de Roberto Firmino aos 46 minutos do segundo tempo.

Mohamed estava livre no mercado desde 25 de novembro de 2020, quando pediu demissão do Monterrey após eliminação na repescagem do Torneio Apertura.

Leia mais:
Atlético anuncia a contratação do zagueiro uruguaio Diego Godín