Se superar o Palmeiras nesta terça-feira (28), às 21h30, no Mineirão, pelas semifinais da Copa Libertadores, o Atlético receberá, no mínimo, mais US$ 6 milhões (algo em torno de R$ 32 milhões, pela cotação atual) de bonificação por chegar à decisão da competição. Mas o valor pode ser ainda maior dependendo do que ocorrer numa hipotética final.

Até agora, o Galo abocanhou US$ 7,55 milhões (pouco mais de R$ 40,3 milhões) para seus cofres em premiações na competição sul-americana. Foram US$ 3 milhões por cada jogo como mandante na fase de grupos, US$ 1,05 milhão pela classificação na chave H, US$ 1,5 milhão pela participação nas oitavas de final e US$ 2 milhões por ter chegado às semifinais.

Se avançar à final, o Atlético receberá US$ 15 milhões (R$ 80 milhões), caso seja campeão, ou US$ 6 milhões, se for vice.

Ou seja, se obtiver o título da Libertadores, o Alvinegro receberá, no total, mais de R$ 120 milhões.

Atlético

Para conseguir uma vaga na final, o Galo precisa ganhar do Palmeiras por qualquer placar no tempo normal. Empate sem gols leva a decisão para a disputa de pênaltis. Qualquer outra igualdade em gols (1 a 1, 2 a 2 e assim por diante) ou triunfo alviverde classifica o time paulista.

Leia mais:
Galo defende invencibilidade de 12 jogos seguidos em Libertadores contra visitante indigesto
No encalço de Jô, Guilherme e Gabriel, Hulk tenta não ‘bater na trave’ na luta por marcas históricas
Consistência defensiva: há cinco jogos sem levar gol, Galo chega ao 30º 'clean sheet' na temporada