Xerife

'Sou privilegiado, ninguém apaga minha história', afirma Réver

Hermano Chiodi
hcfreitas@hojeemdia.com.br
Publicado em 03/04/2022 às 09:00.
 (Fernando Michel)

(Fernando Michel)

"Sou privilegiado. Tenho que agradecer a Deus todos os dias por estar vivendo tudo isso a esta altura da minha carreira. Está todo mundo de parabéns", agradeceu Réver, zagueiro e referência no vestiário atleticano, após vitória do Galo sobre o Cruzeiro, na final do Campeonato Mineiro de 2022. 

E prosseguiu: "é o segundo título deste ano. Sabemos que tem muita coisa pela frente. E conquistar mais um título no Mineirão tem um sabor especial, ainda mais diante de nosso rival”.

Após a vitória do Galo sobre o Cruzeiro, o capitão da equipe atleticana levantou mais uma taça, a 11ª em sua trajetória no Atlético, e ele não perdeu a oportunidade de provocar os arquirrivais. “Me tornei um torcedor. Temos que comemorar muito no nosso salão de festas”, festejou o zagueiro.

“Foi sofrido. Tivemos que abrir mão de muitas coisas e agora vem a recompensa. É comemorar com nossa família Galo”, completou.

Réver tem 37 anos e chegou ao Atlético pela primeira vez em 2010. Ele deixou o clube mineiro no início de 2015 e retornou em 2019. O zagueiro ocupa o posto de segundo jogador que mais ganhou títulos atuando com a camisa do Atlético.

 Leia Mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por