O piloto Rubens Barrichello quer ajudar a construir um kartódromo dentro do complexo da Arena Fonte Nova, em Salvador. Com o auxílio de um grupo de empresários, o recordista em corridas na Fórmula 1 apresentou nesta semana ao governador da Bahia, Rui Costa (PT), o projeto de uma pista de 850 metros de extensão e oito metros de largura, dentro dos padrões internacionais.

Em encontro na capital baiana na última terça-feira, o piloto, a empresa NF Sports e um grupo de empresários liderados pela MCA Gribel participaram da assinatura de uma carta de intenção. O projeto será analisado em até 120 dias, dentro da viabilidade econômica e da possibilidade de se fazer uma parceria Público-Privada (PPP) para a construção e gestão do espaço.

"Estamos muito felizes com a oportunidade que se abriu para nós levarmos o automobilismo de base a um espaço como esse. A Bahia, sua cultura, seu povo e sua alegria são especiais e a possibilidade de unirmos os dois mais populares esportes brasileiros em um só local é sensacional", afirmou Rubinho, que atualmente disputa a temporada de 2019 da Stock Car.

O projeto traz a intenção de construir kartódromo, shopping, restaurante, academia de ginástica e um memorial com exposição permanente sobre a carreira de Rubens Barrichello, com a presença de carros usados na Fórmula 1, troféus, macacões e capacetes. Ainda não há previsão do custo do empreendimento nem o tempo necessário para viabilizar a entrega da obra.

Pelo Twitter, o governador baiano comemorou a oportunidade de se erguer um kartódromo dentro do complexo da Arena Fonte Nova. "Queremos atrair empresas interessadas em estimular a modalidade esportiva na Bahia através de investimentos e geração de novos empregos. Quem sabe em breve a Bahia não seja inserida nas etapas de circuitos mundiais das competições?", escreveu Rui Costa.

Leia mais:
Pilotos mineiros fazem bonito na Gold Classic, em Interlagos