Contra o Juventude, a Massa cantou “é campeão”. Diante do Fluminense, a cena se repetiu no Mineirão, com jogadores do Atlético se juntando à celebração de um título que está por vir. O atacante Hulk, principal nome do Campeonato Brasileiro, no entanto, prefere esperar um pouco mais.

"Faz tempo que esse grito está pronto para sair. Vai sair na hora certa. Estou doido para gritar também. Falta pouco. Como sempre falo, essa torcida e esse clube merecem demais, pela história que têm. É muito gratificante”, afirmou o camisa 7 à Globo, após a vitória por 2 a 1 sobre o Tricolor, nesse domingo (28).

Artilheiro do time no ano (32 gols) e do Brasileirão (17), o atleta não tem dúvida de que fez a escolha certa ao assinar o contrato com o Galo no início da temporada. E a festa da Massa que imperou nas arquibancadas ratifica essa certeza.

“Tenho que agradecer a Deus por tudo que está acontecendo na minha vida. Quando eu quis voltar ao Brasil, muita gente dizia que não era o momento, que eu deveria estar na Europa, na China ou na Arábia. Mas tudo que a gente planta, a gente colhe. Com muita humildade, Deus vem me abençoando", comentou.

Atlético

Hulk pode soltar o grito de “campeão” ainda nesta semana. Nesta terça-feira (30), o Flamengo teria que tropeçar diante do Ceará para o título matematicamente ficar com o Atlético. Senão, o time alvinegro precisaria obter dois pontos em nove ainda em disputa, sem depender dos resultados do Urubu.

Leia mais:
Homem é detido no Mineirão acusado de importunação sexual
Jair, Allan e Diego Costa desfalcam o Atlético contra o Bahia, em Salvador
Com 99,83% de chance de título, Galo pode ser campeão na terça ou na quinta; entenda