À espera de uma reunião. Esta é a situação do zagueiro Manoel no Cruzeiro. Ele e o empresário, Neco Cirne, seguem no aguardo por uma conversa com a diretoria celeste para definir o futuro do atleta.

Na semana passada, em entrevista ao Hoje em Dia, Cirne afirmou que “Manoel tem contrato até julho”, deixando transparecer que é do interesse do atleta permanecer na Toca. E em entrevista à rádio Itatiaia, o defensor ressaltou que está feliz no clube e que gostaria de ajudar o time a regressar à Série A.

No entanto, a situação segue estagnada. “O mais importante é o Cruzeiro. E a gente vai conversar. Sempre respeitei a camisa do Cruzeiro e vou sentar e ouvir com o maior orgulho para a gente entrar em um acordo”, afirmou o zagueiro.

Caso ele permaneça, é possível que renove o contrato, uma vez que para ajudar a equipe em mais uma Série B, seria importante vestir a camisa estrelada durante toda a temporada. O problema é que o valor salarial surge como entrave a priori, pelo que apurou a reportagem. A diretoria não comenta a situação de momento.

Manoel já disputou 176 partidas pela Raposa, sendo que 26 deles se deram na última temporada. Ao todo, fez 12 gols.