Trio do Cruzeiro tem testes para Covid-19 inconclusivos e pode desfalcar equipe em duelos decisivos

Da Redação
esportes@hojeemdia.com.br
03/11/2021 às 16:29.
Atualizado em 05/12/2021 às 06:10
 (Bruno Haddad/Cruzeiro)

(Bruno Haddad/Cruzeiro)

Bruno Haddad/Cruzeiro

Bruno José é um dos três jogadores do Cruzeiro infectados com Covid-19 que desfalcarão a equipe

Sem poder contar com o zagueiro Léo Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o Cruzeiro poderá ter mais três desfalques na partida contra o Londrina nesta sexta-feira (5), às 21h30. De acordo com o clube, os resultados dos exames para Covid-19 do zagueiro Eduardo Brock e dos atacantes Bruno José e Rafael Sóbis foram inconclusivos.

Os três jogadores estão assintomáticos e repetiram os exames PCR, cujos resultados estão previstos para esta quinta-feira (4). 

Caso os testes indiquem resultado positivo, Brock, Bruno José e Sóbis não poderão participar da partida no estádio do Café e também do duelo contra o Brusque, na próxima terça-feira (9), em Belo Horizonte. Eles já iniciaram período de isolamento e não participam dos treinos na Toca da Raposa.

Sem Eduardo Brock e Léo Santos, é provável que o técnico Vanderlei Luxemburgo escale Ramon e Rhodolfo nas partidas contra o Londrina e o Brusque.

Para a vaga de Bruno José, o treinador deverá escolher entre diferentes opções ofensivas. Uma possibilidade é o retorno de Vitor Leque, que desfalcou a equipe na rodada passada por suspensão. Já Rafael Sóbis é reserva do Cruzeiro atualmente. 

Os jogos contra Londrina e Brusque têm caráter decisivo para o Cruzeiro na briga contra o rebaixamento. Tanto o time paranaense quanto o catarinense estão a dois pontos da Raposa na classificação da Série B.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por