O incêndio na Serra da Moeda, em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi controlado na manhã desta quarta-feira (16), após cinco dias de trabalhos intensos dos Bombeiros. Até essa segunda-feira (14), o fogo já havia devastado uma área correspondente a 4,2 mil campos de futebol.

 

De acordo com o comandante da operação, capitão Fabrício Eduardo Dalfior, a cerração na região serrana, na manhã desta quarta, dificultou a visualização dos dois focos ativos, mas, em contrapartida, a umidade do fenômeno ajudou a reduzir a intensidade.

As chamas foram controladas pela manhã. Apesar disso, 24 militares seguem de prontidão no local. "É por segurança, uma vez que, no início da tarde, com o aumento da temperatura, pode ocorrer alguma reignição e o combate precisa ser rápido, para evitar alastramento para outras áreas", explicou Dalfior.

O monitoramento é feito na divisa entre a Serra da Moeda e a área rural da cidade de Belo Vale, que chegou a ser atingida pelo fogo.

A reportagem solicitou ao Corpo de Bombeiros um balanço da área queimada e aguarda retorno.