As regiões Leste e Noroeste de Belo Horizonte já registraram mais do que o dobro de água da chuva esperada para todo o mês de outubro. Outras três regionais estão com números bem próximos disso, segundo levantamento da Defesa Civil divulgado nessa segunda-feira (18).

Conforme o órgão, só na zona Leste de BH, choveu, das 15h30 até 23h de ontem, 141,8 mm, 35,4% a mais do que a média histórica do período, que é de 104,7 mm. Veja o acumulado dos últimos 18 dias:

  • Barreiro: 205,6 (196,4%)
  • Centro-Sul: 175,9 (168%)
  • Leste: 230,8 (220,4%)
  • Nordeste: 183 (174,8%)
  • Noroeste: 212,4 (202,9%)
  • Norte: 140,6 (134,3%)
  • Oeste: 203 (193,9%)
  • Pampulha: 208,6 (199,2%)
  • Venda Nova: 152,2 (145,4%)

Mais chuvas

A capital deve ter mais um dia de tempestades. De acordo com a Defesa Civil, há possibilidade de pancadas de chuva de 20 a 40 mm, acompanhadas de raios e rajadas de vento de 50 km/h. O alerta é válido até as 8h desta quarta-feira (20).

A previsão meteorológica indica que o dia será de céu encoberto a nublado, com pancadas de chuva a qualquer hora, causando o declínio da temperatura. A mínima foi de 16ºC e a máxima estimada é de 22ºC. A umidade relativa mínima do ar deve permanecer em torno de 80% à tarde.

Além disso, os moradores devem ficar atentos aos deslizamentos de terra até amanhã. Segundo o órgão, oito regiões de BH estão sob alerta máximo de risco geológico. Somente Venda Nova tem situação moderada. 

Leia mais:

Após temporal, todas as regiões de BH correm risco de deslizamentos de terra, alerta Defesa Civil
Defesa Civil alerta para temporal de até 40 mm e rajadas de ventos de 50 km/h nesta terça em BH