Bares e restaurantes de Belo Horizonte ganharam autorização da prefeitura para funcionar até 23h, informou a secretária municipal de Política Urbana, Maria Caldas, nesta terça-feira (27). A mudança começa a valer a partir da publicação do decreto, prevista para quinta-feira (29).

Até o momento, esses estabelecimentos podem funcionar das 11h às 22h. Com as novas regras, o expediente será prolongado em uma hora. A categoria já pleiteava alterações no protocolo desde a semana passada. 

Também houve mudanças no horário de funcionamento das lojas de conveniência, que poderão atender os clientes todos os dias, inclusive domingos e feriados, até 22h. 

Shows e eventos

De acordo com a secretária, haverá ampliação de público nos shows em BH. Em ambientes com assentos fixos, o limite sobe de 600 para 800 pessoas, desde que não haja consumo de bebida alcoólica. Os que permitirem, a lotação será de 600 participantes - antes, o máximo era de 400.

Para locais sem assentos fixos, passa de 600 para 800 convidados. Porém, neste caso, admite-se dois blocos de público, desde que completamente separados um do outro. No caso dos eventos corporativos, a expansão será a mesma. “Em todas essas situações, é exigido o teste rápido para frequentá-lo”, finalizou a gestora.

Leia mais:

BH libera público nos estádios de futebol com 30% de ocupação e sem venda de bebidas alcoólicas
Torcida em estádio na pandemia só com fiscalização rigorosa, defende infectologista