Os corpos de duas das quatro vítimas de um acidente envolvendo um caminhão do viaduto “Ponte Torta”, na BR-381, em João Monlevade, na região Central de Minas, foram localizados pelo Corpo de Bombeiros nesta quinta-feira (14).

O acidente ocorreu na tarde de quarta-feira (13), no mesmo local onde houve um acidente com um ônibus de turismo, em 4 de dezembro de 2020, que deixou 19 mortos e 27 feridos.

Segundo a corporação, há suspeita de que um deles, encontrado pela manhã preso dentro da cabine do veículo, seja do motorista. A informação ainda não foi confirmada.

O veículo foi encontrado no rio Piracicaba a 20 metros de profundidade. Devido às más condições de visibilidade e outros fatores de risco, a remoção do corpo será feita junto à retirada do caminhão.

O segundo corpo, localizado próximo ao compartimento traseiro do caminhão, já foi retirado pelos militares e entregue para uma funerária de João Monlevade.

As outras duas vítimas ainda não foram encontradas pelos cinco mergulhadores que trabalham no local. Um acesso está sendo criado para aproximação de um guincho que fará o arrastamento do veículo. As buscam continuam.

O acidente

Segundo informações passadas por testemunhas, o caminhão teria saído de Jaguaraçu, no Vale do Rio Doce, com destino a Conceição de Piracicaba, na região Central, transportando asfalto. Ao chegar ao elevado, o motorista teria perdido o controle do veículo e caído no rio, na altura do KM 350 da rodovia.

Leia mais:
Caminhão cai de ponte na BR-381, no mesmo local do acidente com ônibus que matou 19
Bombeiros tentam localizar vítimas de caminhão que caiu de ponte na BR-381, em João Monlevade
Ex-marido mata mulher a marretadas após discussão por partilha de terreno, em Contagem