Enquanto trabalhavam no combate às chamas de um incêndio no Parque Guimarães Rosa, em Montes Claros, no Norte de Minas, bombeiros restaram dois filhotes de cachorro que estavam cercados pelo fogo. O caso aconteceu nesse domingo (15) e os militares levaram quase dez horas para conter o incêndio. Os animais foram adotados por um morador da região.

Mais de 40 mil litros d’água foram usados para conter o incêndio no parque. Além de dois caminhões dos bombeiros, também foi usado um caminhão-pipa.

Serra do Mel

O Corpo de Bombeiros também trabalha para combater focos de incêndios nas regiões do Bar do Carlão e Comunidade do Palmito, na Serra do Mel, também em Montes Claros. O incêndio teve início no fim da tarde do sábado e apesar dos esforços das equipes, deve entrar no seu terceiro dia nesta terça-feira. Além de quatro viaturas dos bombeiros e uma do Instituto Estadual de Florestas (IEF), um helicóptero é usado no trabalho. O combate às chamas teve de ser encerrado nesta segunda, às 19h, e será retomado às 5h de terça. 

A corporação também atuou para conter um incêndio na Serra do Sapucaia, na mesma cidade. O trabalho teve início no domingo e se estendeu pela segunda-feira (16). Mais de 20 combatentes, entre bombeiros e brigadistas, atuaram no combate às chamas.

incêndio serra do mel

O incêndio na Serra do Mel não foi controlado em dois dias de combate

Leia mais:
MPF cobra explicações sobre corte em auxílio financeiro a atingidos pela tragédia em Mariana
Operação Inocência prende três suspeitos de violência sexual contra crianças em Ibirité