Os casamentos por videoconferência, que estão sendo realizados por cartórios de Belo Horizonte há um mês, agora também poderão ser promovidos no interior do Estado. Ao todo, 129 cartórios de 29 cidades poderão celebrar esses atos de forma virtual, de acordo com o Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

Segundo o órgão, os casamentos civis poderão ser realizados por videoconferência e escritura pública digital nas cidades de Barbacena, Betim, Caratinga, Conselheiro Lafaiete, Contagem, Coronel Fabriciano, Divinópolis, Governador Valadares, Ibirité, Ipatinga, Juiz de Fora, Manhuaçu, Montes Claros, Pará de Minas, Patos de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Ribeirão das Neves, Santa Luzia, São João del-Rei, Sete Lagoas, Teófilo Otoni, Timóteo, Ubá, Uberaba, Uberlândia, Varginha e Vespasiano.

Até então, os casamentos virtuais estavam sendo feitos apenas no 7º Tabelionato de Notas, no Ofício de Registro Civil com Atribuição Notarial do Barreiro e no Ofício de Registro Civil com Atribuição Notarial de Venda Nova. O projeto-piloto mostrou que a internet permitiu que os casais pudessem garantir a união mesmo em tempos de isolamento social.

Os interessados deverão procurar pelos cartórios de cada cidade para saber como realizar cadastro prévio, fornecendo informações pessoais, conforme descrição na portaria. Para os procedimentos em que haja necessidade de certificado digital, os cartórios também irão mostrar como obtê-los.

Leia mais:
Aumento no número de óbitos diários por Covid já era previsto pelo Estado
Apenas 4% dos municípios mineiros aderiram ao programa Minas Consciente