A Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) enviou um pedido à prefeitura, nesta sexta-feira (1º), para que a campanha de vacinação contra a Covid-19 na capital seja realizada também no final de semana. Até o momento, a programação não prevê vacinação no sábado (3) e nem no domingo (4). Pelo cronograma da PBH, os idosos serão imunizados até esta sexta-feira (2) com a retomada da capanha na próxima segunda-feira (5).

“A agilidade na vacinação é de extrema importância para contermos o avanço da doença. Além disso, por outro lado até mesmo os membros do Comitê de Enfrentamento a Covid-19 da própria prefeitura admitiram publicamente que a queda no número de casos da doença e do número de vítimas dependerá muito da velocidade do processo de imunização da população”, argumentou Marcelo de Souza e Silva, presidente da entidade.

Segundo ele, os setores de comércio e serviços da capital mineira estão passando pela maior quarentena do Brasil desde o início da pandemia. “Por diversas vezes foi dito que estamos enfrentando uma guerra. E estamos mesmo. Mas na guerra não tem feriado nem final de semana. Ainda mais neste momento, quando estamos no pico da doença e sem qualquer margem de segurança no sistema de saúde, não há nem previsibilidade no retorno das atividades que estão de portas fechadas”.

A Prefeitura de Belo Horizonte ampliou a imunização contra a Covid-19 para idosos com idade entre 68 anos e 67 anos. Na próxima sexta-feira (2), pessoas que completaram 68 anos até o último 30 de abril já podem tomar a vacina e, na segunda-feira (5), pacientes com 67 anos ou mais. 

O horário para vacinação é das 7h30 às 16h30 nos centros de saúde e postos fixos. Nas nove Unidades de atendimento 24h não Covid, que estão em funcionamento nas sedes de centros de saúde, não está sendo feita a aplicação de vacinas. O endereço dos locais está disponível no portal da prefeitura

Em nota, a Prefeitura de Belo Horizonte informou que os profissionais de saúde estão trabalhando incansavelmente para garantir assistência à população da capital. "Nesta sexta-feira, dia 2, feriado nacional, os profissionais estarão atuando normalmente e merecem o descanso do final de semana, além de respeito e consideração para que possam continuar cumprindo sua nobre missão", diz o comunicado.

 

Leia Mais:
Apesar da Onda Roxa, saída para o feriadão é intensa nesta quinta em BH
BH terá vacinação contra Covid para idosos de 68 anos nesta sexta; sábado não haverá imunização
Filha descobre morte da mãe ao ver corpo fora do necrotério de UPA de BH; espaço estava lotado