Terminaram no fim da tarde desta terça-feira (22) os simulados de treinamento da população de Rio Preto, na Zona da Mata, para a evacuação das zonas de autossalvamento em caso de colapso da barragem da Usina Hidrelétrica do Mello. Os moradores de sete bairros da cidade foram divididos em três grupos e orientados pela Vale, responsável pela estrutura, e pela Defesa Civil do município. Ao todo, 238 pessoas participaram do simulado.

Os treinamentos, segundo a Prefeitura de Rio Preto, começaram às 8h nos bairros Comunidade dos Pastos, Vila Verde e Cruzeiro. Em seguida, foi a vez dos moradores do Centro e do bairro Antônio Lopes receberem as instruções. Por último, os bairros Porto dos Índios e Furtado passaram pelo simulado.

Apesar das simulações, a Vale reiterou que o estado de emergência para a Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Mello foi encerrado no dia 19 de março e que a estrutura passa por obras de incremento dos fatores de segurança desde novembro de 2018. O treinamento aconteceu de forma preventiva para dar continuidade à implantação do plano de emergência para a Zona de Segurança Secundária (ZSS).

No dia 16 de março, 29 moradores da região foram retirados de suas casas devido a uma chuva forte que elevou o risco de rompimento da estrutura, que armazena água. Divididos em 19 famílias, os moradores voltaram às suas casas no dia 20 do mesmo mês, quando o risco de rompimento foi encerrado.

Leia mais:
Moradores são removidos de casas sob risco de rompimento de barragem de água, na Zona da Mata
Moradores evacuados na Zona da Mata por risco em barragem de água poderão retornar para suas casas