Cinco bacias hidrográficas de Minas possuem 19 pontos com registro de inundação

Da Redação*
portalç@hojeemdia.com.br
12/01/2022 às 19:51.
Atualizado em 18/01/2022 às 00:53
 (Reprodução vídeo de Piti Carvalho)

(Reprodução vídeo de Piti Carvalho)

Nesta terça-feira (12), o Serviço Geológico do Brasil (CPRM), vinculado ao Ministério de Minas e Energia, informou que cinco bacias hidrográficas em Minas estão em alerta porque o volume de água dos rios já ultrapassou as cotas de inundação em pelo menos 19 pontos próximos a municípios, atingindo a infraestrutura local e afetando a população.

Segundo o CPRM, o volume d'água nos principais rios das cinco bacias passou a subir mais rapidamente após as fortes chuvas do último fim de semana. E a previsão é que mais localidades podem "entrar em cota de inundação".

Bacia do Rio Doce
Na Bacia do Rio Doce, a cota já foi superada em sete pontos dos rios Doce e Piracicaba, segundo o CPRM.

Entre as cidades mineiras próximas aos pontos de alta do nível das águas estão Tumiritinga, Governador Valadares, Coronel Fabriciano, Timóteo, Nova Era e Rio Piracicaba.


Bacia do São Francisco
Na Bacia do São Francisco, o nível do rio continua além da cota de inundação em pelo menos quatro pontos próximos aos municípios mineiros de Januária, São Francisco, São Romão, Pirapora e Buritizeiro.

"Temos acompanhado, diariamente, os boletins emitidos pela Usina Hidrelétrica de Três Marias e também as informações emitidas pela Defesa Civil estadual. Com isso, estamos em alerta constante",  disse o coordenador da Defesa Civil de MG, Rodrigo Cardoso, citado epla Agência Brasil.

Bacia do Rio das Velhas
Na Bacia do Rio das Velhas, o nível está acima do ponto de inundação em três átreas: perto de Santo Hipólito, Jequitibá e Raposos, todos município da Região Metropolitana de Belo Horizonte.

O Rio das Velhas também causou transtornos em Santa Luzia, na Grande BH, no último final de semana.

Bacias do Rio Muriaé
As bacias dos rios Muriaé e Pomba tinham, no início da tarde desta terça (12), respectivamente, três e dois pontos onde as águas fluviais atingiram o nível de inundação.

Localizada na divisa entre Minas Gerais e Rio de Janeiro, a Bacia Hidrográfica do Rio Muriaé possui três pontos críticos perto de Patrocínio do Muriaé, em Minas.

(*) Com Agência Brasil

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por