Com alta de casos respiratórios, maior hospital pediátrico de Minas tem 100% das vagas ocupadas

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
24/01/2022 às 11:44.
Atualizado em 26/01/2022 às 00:13
 (Lucas Prates/Hoje em Dia)

(Lucas Prates/Hoje em Dia)

Não há mais vagas no maior hospital de urgência pediátrica de Minas. Segundo a  Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) todos os leitos do Hospital Infantil João Paulo II, em Belo Horizonte, estão ocupados devido à alta demanda de quadros respiratórios.

Por conta disso, o pronto atendimento prioriza os casos graves desde domingo (23). Conforme o órgão, a rede de urgência do município já foi informada da medida, necessária para estabelecer a garantia de assistência aos pacientes admitidos anteriormente.

Em nota, a Prefeitura de BH informou que está trabalhando de forma ininterrupta para garantir assistência para a população. “Em relação aos atendimentos pediátricos, é importante esclarecer que as nove UPAs do município estão funcionando normalmente, 24 horas, conforme escala de equipes médicas pré-definidas para cada unidade”, diz o comunicado. 

Os atendimentos nos Centros de Saúde com horário ampliado são realizados de segunda a sexta, das 7h às 19h. Após este horário e aos finais de semana e feriados, as pacientes devem procurar as Unidades de Pronto-Atendimento.

De acordo com a Fhemig, a diretoria do órgão se reuniu na manhã desta segunda-feira (24) para tentar solucionar o problema. Novas orientações devem ser informadas à tarde.

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por