Após Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, anunciar que iniciará vacinação de estudantes de 12 a 14 anos contra a Covid-19, o secretário municipal de Saúde de BH, Jackson Machado Pinto, afirmou que esse público da capital "vai ter que esperar muito" para ser imunizado, devido à ausência de doses.

"Como eu vou fazer previsão? Não tenho ideia se vai chegar vacina para nós. É claro que nós queremos vacinar todo o público-alvo, mas esse (alunos) vai ter que esperar muito. Temos que vacinar quem está mais à frente na priorização das vacinas", declarou, durante entrevista coletiva nesta terça-feira (15).

Sobre a aplicação de doses em estudantes em Betim, o gestor reforçou que a capital faz a imunização conforme o que é determinado pelo Ministério da Saúde. "Nós seguimos esse plano à risca. Se outros municípios não seguem, é um critério deles, não cabe a mim comentar. BH não vai deixar de seguir o P9 (Plano Nacional de Operacionalização de Vacinas)", finalizou.

Leia mais:
Secretário de Saúde afirma que BH deixou de receber 50 mil doses da vacina contra a Covid
Chefe da Saúde de BH afirma que MG recebe menos kits intubação do que estados 'menores'
Estado publica decreto que prevê pagamento de auxílio emergencial de R$ 600, proposto pela ALMG