Wasley César Vasconcelos, de 43 anos, ex-advogado de Luiz Henrique Romão, o "Macarrão", no caso de desaparecimento de Eliza Samúdio, foi preso por tráfico de drogas na noite dessa quarta-feira (3), em Contagem, na Grande BH. Ele  já havia sido preso pelo mesmo motivo em 2014

De acordo com a Polícia Militar, o homem caminhava por uma rua do bairro São Joaquim quando foi abordado pelos agentes. Os militares chegaram até o advogado após uma denúncia anônima, feita por volta das 20h. 

OAB

Situação de advogado está ativa na OAB

Wasley apresentou a carteira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) aos militares, que localizaram um mandado de prisão em aberto, expedido pela Justiça de Divinópolis, no Centro-Oeste do Estado, por tráfico de drogas. Wasley foi detido e levado para a delegacia. 

Em 2014, a Polícia Federal encontrou aproximadamente 200 quilos de maconha com o advogado, após abordagem na MG-050, próximo ao município de Capitólio, também no Centro-Oeste de Minas. Além dele, outros três suspeitos foram presos na ocasião. 

A reportagem entrou em contato com o escritório de Wasley, localizado no Barro Preto, Centro-Sul da capital, mas não obteve sucesso. 

Leia mais:
Ex-advogado de Macarrão é preso pela PF com 200 kg de maconha