"A moto era o meu único bem material. Dividi de 36 vezes e ainda faltam 10 prestações para terminar de pagar. Agora ela foi roubada e fiquei com a dívida. Estou desesperado".

O relato emocionante é do gari Ederson Alex Cardoso de Menezes, de 37 anos. Nessa terça-feira (4), o veículo dele foi furtado no bairro Horto, região Leste de Belo Horizonte.

Diariamente, por volta das 7h, Menezes estacionava a CG 160, placa PZP-1137, na esquina das avenidas Silviano Brandão com Andradas, para ir trabalhar. Nessa terça, quando retornou do serviço, teve a desagradável surpresa.

"Fiquei desesperado, sem saber o que fazer. Não tinha dinheiro nem para ir embora para casa", lamentou. O gari, que mora de aluguel e tem três filhos e um neto, é a única fonte de renda da família. 

"Usava a moto para trabalhar e fazer compras. Espero que não tenha sido desmanchada e, que quem roubou, me devolva", clamou o rapaz. 

Quem tiver informações sobre a moto, ano 2017/2018, pode entrar em contato com Menezes pelo número (31) 97560-5143.

No mês passado, um outro gari teve a moto furtada em BH. O crime aconteceu no dia em que André Araújo descobriu que a mãe havia morrido. 

Leia mais:
'Devolve minha moto pelo amor de Deus', pede gari que teve veículo furtado no dia da morte da mãe