Igreja na região Norte de BH é alvo de vandalismo pelo menos duas vezes por ano

Luiz Augusto Barros
@luizaugbarros
13/10/2021 às 12:22.
Atualizado em 05/12/2021 às 06:03
 (Lucas Prates/Hoje em Dia)

(Lucas Prates/Hoje em Dia)

Pelo menos duas vezes por ano, a Igreja Católica Carismática Santo Expedito, no bairro Heliópolis, na região Norte de Belo Horizonte, é alvo de vândalos. Nessa terça-feira (12), feriado de Nossa Senhora Aparecida, não foi diferente. A imagem da santa amanheceu pichada.

“Toda época de festividade, seja de Nossa Senhora ou de Santo Expedito, a gente sempre tem uma surpresa dessas”, lamentou o padre Sávio Santos, líder do templo religioso.

A igreja fica na avenida Cristiano Machado. Os pichadores sobem os muros para acessar as imagens, que estão dentre as maiores representações dos santos em Minas, com mais de quatro metros cada.

Por volta das 6h de ontem, quando foi abrir o santuário para iniciar as celebrações da padroeira do Brasil, o religioso mais uma vez se deparou com a atitude dos vândalos. Sem câmeras de vigilância, não foi possível identificar os autores. Não foi registrado boletim de ocorrências.

Os fiéis, segundo o sacerdote, ficaram muito abalados com a situação, mas as festividades não precisaram ser paralisadas. Agora, a comunidade terá que arcar com os custos da restauração, avaliados em cerca de R$ 7 mil. 

Procurada pela reportagem do Hoje em Dia, a Arquidiocese de BH afirmou que a igreja não é ligada à circunscrição eclesiástica e não irá comentar o assunto. A Polícia Civil disse que não iniciou as investigações, pois depende de um registro da ocorrência.

Já a Polícia Militar informou que as características do crime de pichação e a localização do prédio dificultam o combate. Porém, a corporação garantiu que o patrulhamento é feito de forma constante na região.  

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por