Os três índices que monitoram a Covid-19 em Belo Horizonte apresentam queda desde a semana passada, segundo dados do boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura nesta terça-feira (13). A ocupação de leitos de enfermaria saiu do alerta vermelho, e a taxa de transmissão por infectado segue no nível verde.

Segundo o documento desta terça-feira (12), 86,1% dos leitos de terapia intensiva para a Covid-19, considerando redes pública e particular, estão ocupados. No caso da enfermaria, está em 68,4%, em nível de alerta amarelo.

O RT, que mede o número médio de transmissões por infectado, vem tendo quedas consecutivas e chegou, nesta terça, a 0,88. O indicador segue em alerta verde e significa que cada grupo de 100 pessoas transmite a Covid-19 a outras 88.

Belo Horizonte soma 158.533 casos confirmados da doença e 3.708 mortes. Por causa dos bons resultados dos indicadores, a expectativa é grande para a próxima reunião do Comitê de Enfrentamento da Covid-19, confirmada pela prefeitura para a próxima quarta-feira (14).

Vacinados

Segundo o levantamento, 430.427 belo-horizontinos receberam a primeira dose do imunizante contra a Covid-19 e 133.414 foram vacinados com as duas doses.

Cidade fechada

A capital mineira decidiu pelo fechamento do comércio e dos serviços considerados não essenciais em 6 de março. Além disso, no dia 23 do mesmo mês, também proibiu o funcionamento, aos domingos, de supermercados, padarias, sacolões, lanchonetes, açougues e do Mercado Central.

Com as medidas, bares e restaurantes (exceto para delivery), cinemas, feiras, escolas, lojas de vestuário, academias, eventos e parques não podem funcionar em quaisquer dias da semana como forma de frear o avanço da contaminação pelo coronavírus.

Leia Mais:
Indicadores da Covid em BH caem, mas preocupação segue: ‘não é momento de abrir’, diz infectologista
França suspende voos do Brasil para tentar barrar nova variante da Covid-19
Metade dos idosos com 80 anos ou mais não tomou segunda dose da vacina contra a Covid em Minas