Jogadores mortos na BR-262 são velados em quadra onde comemoraram título um dia antes

José Vítor Camilo
17/11/2019 às 12:38.
Atualizado em 05/09/2021 às 22:43
 (Marcelo TheBlack / TV KZ)

(Marcelo TheBlack / TV KZ)

Se na sexta-feira (15) a quadra do ginásio Dr. Luiz Gonzaga Kallil Abraão, em Campos Altos, no Alto Paranaíba, estava tomada pela festa após o título do time de futsal amador do município, neste domingo (17) o espaço reuniu centenas de pessoas unidas pela tristeza. No local foram velados os cinco amigos e jogadores do clube campeão, que morreram na tarde de sábado (16) após o carro em que estavam bater de frente com um ônibus na BR-262.

Na hora do acidente eles seguiam para a cidade de Bambuí, no Centro-Oeste do Estado, para disputar outra partida pelo time, chamado GC do Camposaltinho. Informações do jornal local TV KZ indicam que as vítimas são Ricardo Máximo, Danilo Andrade, Rodrigo Andrade, Marcos Vinicius e Elimar Nascimento. Marcelo The Back / TV KZ / N/A
Amigos e familiares dos rapazes se despedem na quadra onde o time foi campeão na sexta-feira (15)

Hoje em Dia conversou com o dono do clube onde os atletas jogavam, Adamilson Costa, de 23 anos, que é mais conhecido como “Gordo do Camposaltinho”. Ele conta que estava seguindo logo atrás do carro onde estavam as vítimas e presenciou tudo. "Eles não estavam correndo. Quando a gente saiu daqui (Campos Altos) não estava chovendo, mas começou assim que pegamos o asfalto. O carro rodou na curva e bateu no ônibus", lembra. 

Ainda segundo Costa, ele conhecia as vítimas desde a infância. "A gente era amigo desde moleques. Fomos criados juntos. Estou sentindo uma dor muito grande, pois eles como irmãos para mim", disse. O amigo conta ainda que os cinco jovens mortos tinham idades entre 20 e 31 anos. TV KZ / N/A
Imagem mostra os cinco jogadores mortos no acidente (clique para ampliar)

Luto

Diante da tragédia, a Prefeitura de Campos Altos decretou luto por três dias. "Ninguém poderia imaginar que esses jovens nos deixariam tão cedo, tão abruptamente. A partida nos deixa um imenso vazio em nossas vidas e em nossos corações. A nossa vida nunca mais será a mesma", diz a nota divulgada pelo município. Durante o período, o órgão atenderá a população de portas fechadas, apenas com serviços internos.

A prefeitura da cidade para onde eles estavam indo, Bambuí, também lamentou a morte dos atletas nas redes sociais, informando que eles disputariam as quartas de final do 3º Torneio Regional de Futsal Adulto, disputado no Complexo Popular Esportivo Municipal (COPEM).

"A Prefeitura de Bambuí, por meio da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Turismo, lamenta muito o ocorrido e presta os sinceros sentimentos e solidariedade às famílias pela perda irreparável e tão precoce dos cinco jovens atletas. O torneio está suspenso temporariamente", finalizou. 

O acidente 

Os cinco jovens mortos estavam a bordo de um Honda Civic, que acertou em cheio a frente de um ônibus, que transportava 37 pessoas. Além das vítimas fatais, apenas dois passageiros do coletivo ficaram feridos e precisaram ser socorridos pelo Corpo de Bombeiros. 

De acordo com a corporação, as informações iniciais davam conta que o carro de passeio perdeu o controle em uma curva, devido à pista molhada, não sendo possível evitar o impacto com o veículo de grande porte. O carro dos jogadores acabou indo parar sob o chassi do coletivo. 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por