O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, e os membros do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 vão se reunir, nesta terça-feira (27), com representantes de América, Atlético e Cruzeiro, dos estádios de futebol e autoridades da Polícia Militar para discutir o retorno do público às arquibancadas.

Na semana passada, a Federação Mineira de Futebol, com orientações da Secretaria de Estado de Saúde (SES), publicou o protocolo de retorno dos torcedores nas partidas com chancela da entidade. A palavra final, no entanto, cabe às prefeituras. 

Nesta terça, o Executivo municipal pode dar sinal verde para o retorno do público em BH. Após a reunião, haverá uma coletiva de imprensa com os detalhes do que foi discutido entre as partes.

Por enquanto, apenas as partidas do Módulo II do Campeonato Mineiro se encaixam nas regras da FMF. Por outro lado, a Conmebol liberou jogos com torcida nas partidas organizadas pela entidade máxima do futebol sul-americano. Resta à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) publicar as próprias regras.

Para acessar os estádios, os torcedores devem apresentar o cartão de vacina comprovando a completa imunização contra a Covid-19 após 15 dias da última aplicação do reforço ou dose única ou comprovação da infecção pelo novo coronavírus entre 15 e 90 dias. A temperatura será medida na entrada do estádio.

Leia mais:

Novos rumos da flexibilização? Kalil se reúne com Comitê de Enfrentamento à Covid nesta segunda
Veja quem pode se vacinar contra Covid nesta semana em BH; confira horários, endereços e o que levar