Mais de 20 municípios de Minas já decretaram situação de emergência devido às fortes chuvas. Ao todo, 22 cidades integram a lista oficial da Coordenadora Estadual de Defesa Civil (Cedec). Contagem, na região metropolitana, foi a última a formalizar o documento, por meio de decreto municipal, nesta terça-feira (21). Porém, ainda não consta na relação da Cedec.

Belo Horizonte também deve entrar na lista devido aos estragos na avenida Teresa Cristina no último domingo (19). A situação de emergência permite às prefeituras receber auxílios do governo federal. Até o momento, 11 óbitos em decorrência dos temporais foram registrados no território mineiro.

O mais recente boletim da Defesa Civil Estadual foi divulgado também nesta terça. Estão em situação de calamidade por precipitação as cidades abaixo:

Vale do Rio Doce
Açucena
Córrego Novo
Engenheiro Caldas
Goiabeira
Itanhomi
Pingo D’água
Tarumirim

Zona da Mata
Astolfo Dutra 
Coimbra
Muriaé
Nanuque
Reduto
Viçosa

Central
Diamantina
Itabirito
Ouro Preto
Paula Cândido

Região Metropolitana de BH
Ibirité
Rio Acima
Contagem*

Norte
Ninheira 
Rio Pardo de Minas

Sul
Santa Rita do Sapucaí 

* Tem decreto municipal, mas ainda não consta na lista do Estado

Mortes

Ainda segundo a Defesa Civil do Estado, as mortes ocasionadas pela chuva foram registradas em BH, Januária, Santa Rita do Sapucaí, Viçosa, Sete Lagoas (dois óbitos), Muriaé, Ibirité e Guapé, no Sul de Minas, onde três pessoas da mesma família morreram após cabeça d'água provocada por tempestade em uma cachoeira.

Leia mais:
Teresa Cristina ainda tem dois pontos bloqueados nesta terça-feira
PBH vai decretar estado de emergência e Kalil diz que obras não evitariam estragos desse domingo
Chuvas arrastam sonhos; moradores mudam rotina para evitar tragédias