O número de mortes por Covid-19 entre idosos acima de 70 anos caiu após esse público receber as duas doses de vacinas contra a doença em Minas Gerais. Entre quem tem mais de 90 anos, a taxa que era de 8,1% no início da pandemia foi para 2,9%. Já entre os moradores de 80 a 89, passou de 21,7% para 9,8%. Na população de 70 a 79 anos, os óbitos diminuíram de 28,8% para 16,2%.

O levantamento foi divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES). Nesta quinta-feira (20), o titular da pasta, Fábio Baccheretti, informou que Minas está entre os estados com maior índice de imunização proporcional à quantidade de habitantes, ocupando o 6º lugar no país. “A população acima de 70 anos tem uma taxa cada vez menor de óbitos, mostrando a eficácia da vacina. Em janeiro não tinha ninguém vacinado; hoje, temos a maior parte da população vulnerável vacinada”, afirmou.

Baccheretti disse ainda que espera que o mesmo aconteça com a população na faixa de 60 anos, uma vez que a eficácia do imunizante já está comprovada.

O Estado recebeu, até o momento, 9,3 milhões de vacinas contra a Covid-19 e já aplicou a primeira dose em 4,3 milhões de pessoas. Desse grupo, mais de 2,1 milhões receberam a segunda aplicação e foram protegidas por completo, de acordo com dados do vacinômetro, painel da SES que monitora a campanha.

Vacinas da Pfizer

Nessa sexta-feira (21), uma remessa de 64.350 doses da Pfizer vão ser distribuídas para 47 cidades mineiras com condições de armazenar os compostos químicos. O tempo de validade máximo do material após abertura do frasco, conservado entre 2°C e 8°C, é de seis horas.

Um dos critérios para a escolha desses municípios foi a população acima de 79 mil habitantes e a capacitação de equipes para a administração da vacina.

As cidades são: Alfenas,Araguari, Araxá, Barbacena, Betim, Caratinga, Conselheiro Lafaiete, Contagem, Coronel Fabriciano, Curvelo, Divinópolis, Governador Valadares, Ibirité, Ipatinga, Itabira, Itajubá, Itaúna, Ituiutaba, João Monlevade, Juiz de Fora, Lavras, Manhuaçu, Montes Claros, Muriaé, Nova Lima, Nova Serrana, Pará de Minas, Ribeirão das Neves, Sabará, Santa Luzia, São João Del-Rei, Teófilo Otoni, Timóteo, Vespasiano, Passos, Paracatu, Patos de Minas, Patrocínio, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Sete Lagoas, Três Corações, Ubá, Uberaba, Uberlândia Unaí e Varginha.

Leia Mais:
Pessoas com doenças neurológicas crônicas são incluídas na vacinação contra a Covid-19
Taxa de transmissão da Covid e ocupação de UTIs voltam a cair em BH
Estado amplia prazo para prefeituras mineiras aderirem ao sistema de agendamento de vacinação