O homem de 27 anos que foi esfaqueado, no domingo (11), após se negar a entregar dinheiro a um jovem, morreu no Hospital Municipal de Contagem. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde do município da Região Metropolitana de Belo Horizonte, a vítima passou por cirurgia depois de ter sido ferida no peito e no abdômen, mas não resistiu e morreu na segunda-feira (12).

No último domingo, um jovem de 21 anos abordou a vítima em um posto de gasolina na rua Alvarenga Peixoto, bairro Amazonas, em Contagem. A vítima teria negado, alegando que o jovem usaria a quantia para comprar entorpecentes, e pediu para que outras pessoas do local fizessem o mesmo, irritando o agressor, que o golpeou com um canivete.

Segundo o tenente Leonardo Lemos, do 2º Batalhão de Policiamento Especializado (BPE), um militar passava pelo local quando observou a situação e percebeu que o suspeito estava fugindo. "O militar foi atrás e deu ordem, afinal, ele estava com o canivete nas mãos. No entanto, ele não obedeceu e chegou a entrar em luta corporal. Mas o agente conseguiu mobilizar e contê-lo", explicou.

O rapaz foi preso em flagrante e já tinha passagem na polícia por dano ao patrimônio, tráfico de drogas e roubo.

* Com Lucas Eduardo Soares