O motorista de carros por aplicativo Bruno Amaral Santos, de 41 anos, que estava desaparecido desde essa sexta-feira (10), após aceitar uma corrida em Belo Horizonte, foi localizado na tarde deste sábado (11), no município de Itaguara, na região Central de Minas. 

De acordo com o irmão de Bruno, Elber José dos Santos, o rapaz ligou para a casa do pai, que mora em Ritápolis, também na região Central, e avisou que está bem. Ele teria contado ter sido vítima de um sequestro-relâmpago. “Os passageiros o prenderam no porta-malas, levaram o carro e limparam a conta bancária do meu irmão", contou Elber. 

Bruno Santos atuava há seis meses como motorista de carro por aplicativo na capital mineira.O rapaz desapareceu nessa sexta-feira, por volta de meio-dia, após pegar dois passageiros na avenida Amazonas, no Centro de BH.

Leia mais:

Corpo de motorista do Uber desaparecido é encontrado no Jardim Canadá, em Nova Lima

Carro de motorista de aplicativo que estava desaparecido é encontrado com suspeitos de tráfico em BH