O número de mortos por desabamento de rocha no Lago de Furnas, em Capitólio, Centro-Oeste de Minas, subiu para dez. De acordo com os bombeiros, mais dois corpos foram encontrados na tarde deste domingo (9) e, até o momento, a corporação não trabalha mais com desaparecidos.

Em entrevista coletiva nesta manhã, a Polícia Civil afirmou que as duas vítimas desaparecidas eram pai e filho, de 37 e 14 anos, respectivamente. e que uma vítima, Júlio Borges Antunes, de 68 anos, havia sido identificada.

Durante a tarde, o Delegado Regional de Passos, Marcos de Souza Pimenta, confirmou mais uma identificação, mas nome e idade ainda não foram divulgados. O forte impacto da rocha nas vítimas dificulta o reconhecimento dos corpos, de acordo com a Polícia Civil.

Leia mais:
Brumadinho, na Grande BH, tem 95 pessoas desalojadas e 67 desabrigadas pela chuva
Polícia Federal envia técnicos para reforçar identificação de vítimas da tragédia em Capitólio