Os três indicadores de monitoramento da pandemia da Covid-19, em Belo Horizonte, seguem em queda pelo segundo dia seguido. Nesta quarta-feira (27), 77,4% dos 585 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), destinados à pacientes com a doença, aparecem ocupados. Os dados são do boletim epidemiológico divulgado nesta tarde. A taxa, que chegou a atingir 86% na segunda-feira (25), estava em 80% no levantamento de ontem (26).

Desde o início do ano, é apenas a segunda vez que a taxa fica abaixo dos 80%. Na última sexta-feira (22), 79,3% dos leitos estava ocupado. Mesmo com a queda, o índice segue no nível vermelho do gráfico, em estado de alerta máximo.

O número médio de transmissão por infectado (Rt) continua abaixo de 1 e no nível verde no gráfico do boletim. A taxa caiu de 0,97 para 0,96, o que significa que, em média, 100 pacientes infectados transmitem a doença pata outras 96 pessoas. No último dia 15 de janeiro, o Rt chegou a atingir 1,09. O dado está em queda desde então, apontando uma desaceleração na transmissão do vírus na capital mineira.

Leitos de enfermarias também estão mais vagos nesta quarta-feira. Das 1.481 vagas, 59,8% estão ocupadas em hospitais das redes pública e privada de Belo Horizonte. No boletim de terça, o índice estava em 62,5%.

Doze óbitos registrados em 24 horas

O levantamento de hoje também atualiza os números de casos e óbitos registrados nas últimas 24 horas na capital. No período, 12 pessoas morreram vítimas da Covid-19, sendo oito homens e quatro mulheres. Ao todo, 2.215 pessoas já perderam a vida para a doença na cidade.

Também em um dia, 1.355 novos casos foram confirmados. Desde o início da pandemia, no ano passado, já foram 86.469 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus. Os dados também mostram que 79.068 pacientes já se recuperaram e outros 5.186 seguem em acompanhamento.

Vacinados

Desde segunda, o boletim epidemiológico também apresenta o número de pessoas que já receberam a primeira dose da CoronaVac, vacina contra a Covid-19 produzida pelo Instituto Butantan, de São Paulo, em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech. Até hoje, 48.349 belo-horizontinos já foram imunizados, 5.015 a mais em relação à terça-feira.

De acordo com o levantamento, 71.276 doses já foram distribuídas aos 59 postos de imunização, sendo 49 hospitais das redes pública e privada, nove Unidades de Pronto-Atendimento e uma do Samu.

No total, Belo Horizonte recebeu 135.270 doses da CoronaVac. Dessas, 6.882 foram distribuídas pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais diretamente aos hospitais Julia Kubitscheck, Eduardo de Menezes e da Polícia Militar. 

Leia mais:
Secretário de Esportes de Santa Luzia é demitido após furar fila de vacinação contra a Covid
Nada de turistas: decreto determina 'lockdown' durante o Carnaval na Serra do Cipó
Covid-19: OMS aponta presença da variante de Manaus em oito países