Minas tem cinco casos da variante B.1.621 do coronavírus, batizada de Mu, identificadas pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). De acordo com o painel de monitoramento da pasta, atualizado nesta sexta-feira (3), são três pessoas infectadas em Virginópolis e outras duas em Guanhães, na região Leste.

Ainda não há informação se os casos da Mu foram importados ou se há transmissão comunitária da cepa no território mineiro. A SES aguarda as análises das regionais de saúde para mais detalhes sobre as notificações. 

A Mu foi descoberta na Colômbia, em janeiro deste ano, e foi classificada como variante de interesse pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que emitiu alerta recente sobre o assunto. O termo é utilizado para designar tipos do vírus que devem ser monitorados por autoridades de saúde, com análise sobre risco para a saúde pública.

Delta

Ainda conforme o painel, os casos de variante Delta no Estado saltaram para 236. O município com maior número de registros é Juiz de Fora, na Zona d Mata, com 38. Belo Horizonte vem em seguida, com 24.

Leia Mais:
Fiocruz indica interrupção da tendência de queda de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave
Prefeito de Barão de Cocais e a esposa são investigados por 'furar a fila' da vacinação contra Covid