Setembro termina como o mês com menos mortes por Covid-19 em BH neste ano

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
01/10/2021 às 10:44.
Atualizado em 05/12/2021 às 05:59
 (Marcelo Prates/Arquivo Hoje em Dia)

(Marcelo Prates/Arquivo Hoje em Dia)

Com 209 vidas perdidas por complicações da Covid-19, setembro foi o mês com menos vítimas para a doença em Belo Horizonte em 2021. Os dados são do boletim epidemiológico e assistencial da prefeitura.

Em comparação com o mês anterior, houve uma redução de 30% no número de óbitos. Em agosto, foram 302 mortes para o coronavírus na capital. O período mais mortal da enfermidade neste ano foi abril, com 1.105 vítimas. 

Apesar da queda da mortalidade, o número de infectados segue alto, muito por conta da variante Delta, que é mais transmisível. Nos últimos 30 dias, foram mais 12 mil novos casos. 

Além de impactar na redução do número de mortes, a vacinação tem relação direta com a melhora dos indicadores que monitoram a pandemia por aqui. Até essa quinta-feira (30), a taxa de ocupação dos leitos de UTI Covid era de 45,3%, enquanto das enfermarias estava em 33,8%. Já o RT estava em 1,00.

De acordo com Alexandre Sampaio Moura, infectologista e pesquisador da Santa Casa de BH, para que os índices continuem em queda, é muito importante conclusão do esquema vacinal. “A primeira dose vai dar proteção e estimular o sistema imunológico a produzir anticorpos, mas a proteção só será plena com a segunda, fazendo a defesa do nosso organismo aumentar”, explicou.

Veja o número de óbitos por mês em 2021:

  • 209
  • 302
  • 460
  • 669
  • 771
  • 1.105
  • 478
  • 482
  • 387

Vacinação

De acordo com o levantamento da PBH, 1,9 milhão de moradores tomaram a primeira dose da vacina. Destes, 1,2 milhão já receberam o reforço. Foram contemplados com a Janssen, administrada em dosagem única, outros 59 mil belo-horizontinos.

Ao todo, 78% da população de BH já recebeu ao menos a primeira parte da proteção contra a Covid. Por outro lado, metade dos adultos já está completamente imunizado, com o complemento ou com a dose única. 

Nesta sexta-feira (1º), o público de 45 anos vai receber a segunda dose da AstraZeneca. Clique aqui e saiba os horários de atendimento, endereços e o que levar para completar a imunização.

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por