Os termômetros da pandemia monitorados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) - número médio de transmissão por infectado e ocupação de leitos - registram queda pelo segundo dia consecutivo em Belo Horizonte, de acordo com dados do boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (29).

A taxa de transmissão caiu de 0,89 para 0,88. Pelo novo indicador, cada grupo de 100 pessoas contaminadas na cidade transmite o novo coronavírus para outras 88. O índice está em queda e no nível verde, o menos preocupante, um indicativo de que a transmissão do vírus está desacelerando na capital mineira.

A ocupação de leitos de terapia intensiva caiu quase três pontos percentuais e passou de 57,7% para os atuais 55%. A lotação das enfermarias também apresentou redução de 45,9% para 45,3%.

Até agora, a cidade tem 258.702 casos confirmados de Covid-19 e 6.220 mortes provocadas pela doença.

Vacinação

Belo Horizonte recebeu 2.620.587 doses de imunizantes contra o coronavírus. Foram vacinadas 1.391.716 moradores com a primeira dose, o que representa 63,2% do público-alvo da campanha. Já com as duas doses são 586.850 pessoas, o que corresponde a 28,1%. Outros 58.040 moradores foram vacinados com dose única da Janssen.

E a PBH anunciou, nesta quinta-feira (29), que pessoas com 35 anos poderão se vacinar contra a Covid-19 a partir da próxima semana. Também deverá se imunizar com a segunda dose o público com comorbidade. Confira o cronograma.

Leia Mais:
Bairros da Grande BH vão ficar sem água no domingo; veja a lista
Minas gera mais de 185 mil postos de trabalho no primeiro semestre de 2021
Ministério da Saúde lança campanha de valorização do aleitamento materno