A taxa de transmissão da Covid-19 em Belo Horizonte registrou crescimento pelo terceiro dia consecutivo. A taxa, agora, se aproxima do nível amarelo de alerta. O RT, como é chamado, passou de 0,96 para 0,98, conforme boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) nesta quinta-feira (21).

O novo valor do RT indica que 100 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus têm potencial de transmissão para outras 98. O indicador segue no nível verde de alerta da PBH, o que mostra redução da doença na capital. Para passar ao nível amarelo, que é mais rígido quanto à flexibilização, precisa chegar a 1.

A ocupação dos leitos para tratamento da Covid-19 na metrópole também cresceram, segundo o boletim. Na UTI, a taxa que era de 46,1% chegou a 46,6%; enquanto a ocupação nas enfermarias saltou de 39% para 40%. Mesmo com a alta, ambos os indicadores também seguem no nível verde de alerta da prefeitura.

Covid BH 2110

Indicadores do coronavírus subiram mais uma vez em BH

Números da pandemia

De acordo com o informe da Secretaria Municipal de Saúde, a cidade registrou 287.150 casos do novo coronavírus desde março do ano passado, quando começou a pandemia.

Desse total, 278.916 pacientes se recuperaram e 6.876 morreram. Ainda há 1.358 pessoas em acompanhamento pela pasta.

Vacinação

Conforme os indicadores de imunização na capital, 57,6% da população acima dos 12 anos estão totalmente vacinados. A primeira dose foi aplicada em 2.092.204 moradores, dos quais 1.437.917 também receberam a segunda aplicação. 

Uma dose de reforço ainda foi necessária a 142.366 belo-horizontinos. A vacina da Janssen, ministrada em dose única, foi aplicada em 60.218.

Leia mais:
Quase 60% dos mineiros já estão completamente vacinados contra a Covid-19
Kalil se defende e diz que áudios de conversa com ex-chefe de gabinete foram distorcidos