Todas as 50.310 doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19 que chegaram a Minas Gerais nessa segunda-feira (3) foram encaminhadas para a Prefeitura de Belo Horizonte, que tem condições de armazená-las. O imunizante precisa ser acondicionado em temperaturas que podem chegar a -70 °C, segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES).  

Segundo a PBH, os compostos químicos serão armazenados em freezers da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais e da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Com as remessas recém-chegadas da Astrazeneca, a prefeitura anunciou que vai ampliar a vacinação para profissionais da saúde acima de 18 anos, pessoas com comorbidades, grávidas e puérperas.

A imunização dos trabalhadores da saúde acima de 18 anos, cadastrados até 28 de abril, será nesta quarta (5) e quinta-feira (6). Já a dos moradores com comorbidades, cadastrados até esta segunda (3), será na sexta (7) e no sábado (8).

O governo do Estado informou que haverá compensação de doses aos municípios que não receberão a Pfizer. A SES declarou também que as 676.250 doses da AstraZeneca e as 30,4 mil da Coronavac, que chegaram no sábado (1º), começaram a ser entregues nas unidades regionais de saúde a partir desta terça-feira (4).

Leia Mais:
BHTrans cria mais uma linha direta para desafogar estações do Move na pandemia
PBH amplia pontos de vacinação para trabalhadores da saúde com mais de 18 anos; veja os endereços
Conmebol manda retirar faixas de apoio à mãe de Cuca no Mineirão