Após longo período de paralisação devido à pandemia do novo coronavírus, as aulas na rede estadual foram retomadas nesta segunda-feira (18). Como o risco de contágio da Covid-19 ainda não foi afastado, o ensino ocorre a distância. O aprendizado começou a ser transmitido pela TV Rede Minas, que vai exibir as aulas de segunda a sexta-feira, a partir das 7h30. Em caso de dúvidas, os estudantes vão poder enviar perguntas por WhatsApp (31-98295-2794) ou ligar para (31) 3254-3009, entre 11h15 e 12h30.

Além da TV, os vídeos também serão postados no aplicativo "Conexão Escola" e no canal do youtube da Secretaria Estadual de Educação (SEE). No entanto neste primeiro dia de retorno, o app não está disponível para ser baixado nem para celulares Android e iPhone. Parte do conteúdo das disciplinas está disponível em estudeemcasa.educacao.mg.gov.br

Ensino não presencial

Nesta segunda, os quase 2 milhões de estudantes mineiros estão assistindo conteúdos relacionados a temática linguagens, que inclui português, inglês, literatura, artes e educação física. Toda a programação das aulas pode ser consultada neste link. Na página também é possível baixar as apostilas.

Por enquanto, não há prazo para o retorno das aulas presenciais. O ensino a distância foi uma das formas encontradas pela Secretaria Estadual de Educação (SEE) para evitar a evasão dos alunos e diminuir as perdas. 

Volta às aulas: emissora de TV começa a transmitir ensino para estudantes mineiros
Alunos estavam sem aulas desde o dia 13 de março

Distribuição

Às terças-feira, as aulas serão de Ciências Humanas (História e Geografia). Matemática será às quartas-feira. Quinta-feira será a vez das Ciências da Natureza (Biologia, Química e Física). E, na sexta, uma programação específica voltada aos alunos que estão se preparando para o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem). As provas estão mantidas.

App

Todo o conteúdo exibido na TV e as apostilas também vão ficar disponíveis no aplicativo Conexão Escola. A navegação no Conexão Escola será paga pelo Estado, não descontando do plano de dados do aluno ou do professor enquanto estiver conectado no aplicativo. 

A previsão da SEE é que, a partir do dia 25, o app disponibilize também chat para interação entre os alunos e professores.

Leia mais:
Site detalha como será ensino a distância em Minas; aulas voltam nesta segunda-feira
Falta de acesso à internet é entrave ao ensino remoto em Minas, apontam especialistas
Com ensino remoto, Estado quer evitar evasão escolar, diz secretária