O chef francês Erick Jacquin roubou a cena neste domingo (8) no festival Brumadinho Gourmet. Além de ensinar receitas típicas da França, como o petit gateau, o jurado do Masterchef Brasil elogiou a comida mineira e divertiu o público com seus bordões e trejeitos. 

Durante o workshop ministrado por Jacquin, que durou cerca de duas horas, ele ensinou o público a fazer a tradicional sobremesa petit gateau e uma ‘moqueca diferente’, como foi chamado por ele, o prato composto por salmão, vieiras, atum e legumes. O chef também contou como foi sua trajetória na gastronomia.

Erick foi auxiliado por alunos e professores do curso de gastronomia das Faculdades Promove enquanto ensinava as receitas. Ele também pediu ajuda ao público. Uma das pessoas chamadas ao fogão para auxiliar o francês foi a advogada Erica Lapa, de 35 anos. 

Moradora de Casa Branca ela diz que frequenta o Brumadinho Gourmet anualmente. “Mas, hoje, especialmente vim mais cedo para ver o Jacquin”, disse. “Foi fantástico, emocionante, peguei várias dicas porque ele é chef, tem conhecimento. Além disso ele é extremamente divertido, educado”, assinalou Erica, que ajudou Jacquin na preparação do petit gateau.

Após a preparação dos pratos, o francês autografou aventais, bonés e tirou fotos com o público. Ele também demonstrou afeto pela culinária mineira. “A comida mineira é a comida com mais identidade do Brasil. Ela não veio de outro lugar, ela nasceu aqui”, destacou. Jacquin ainda afirmou que os problemas sociais e políticos do Brasil dificultam o desenvolvimento do turismo gastronômico. “É impossível ter turismo com a violência, com todos os problemas que acontecem hoje no Brasil”, afirmou o chef.