Bar mais antigo, abrigo antiaéreo e igreja da baleia azul; uma BH que talvez você não conheça

Clara Mariz e Luciane Amaral
portal@hojeemdia.com.br
11/12/2021 às 18:06.
Atualizado em 14/12/2021 às 00:37
 (Reprodução / Arquivo PBH)

(Reprodução / Arquivo PBH)

Belo Horizonte completa, neste domingo (12), 124 anos. A capital mineira, já chamada de "Cidade Jardim", é também conhecida pelo grande número de bares, pelo Carnaval de rua, pela cena artística, pelas igrejas e pelos bairros tradicionais. Mesmo assim, até quem mora aqui não conhece tudo o que a capital de Minas tem a oferecer, como um abrigo antiaéreo ou até uma pequena cidade do interior, bem no hipercentro. O Hoje em Dia mostra alguns pontos “escondidos” de BH que todo belo-horizontino tem que conhecer.

Bar do Orlando 

Localizado na rua Alvinópolis, 460, bairro Santa Tereza, na região Leste. O mais antigo bar da cidade foi inaugurado quando BH tinha apenas 22 anos. O estabelecimento nasceu em 1919, quando tinha outro nome - Bar dos Pescadores. Depois da estreia, o estabelecimento foi vendido para o atual dono, Orlando Siqueira, que além de dar seu nome para o local, comanda o balcão do bar há mais de 40 anos.André Brant Bar é um dos mais antigos de Belo Horizonte

Vila Werneck 

Quem passa pela rua dos Guajajaras, 616, bem no Centro de Belo Horizonte, e vê a placa do portão de acesso não imagina que ali dentro, no coração da capital, existe uma pequena cidade do interior, com carros parados em cima da calçada. Entre os prédios comerciais do hipercentro, a Vila Werneck resiste para lembrar que a cidade um dia já teve simpáticas casas, quintais e crianças brincando na rua. Construída em 1943, ela é composta por 12 casas e, em 1994, foi tombada como Patrimônio Histórico de BH. Reprodução / Google Street ViewVila possui 12 casas

Igreja da Baleia Azul

Nós já sabemos que BH não tem mar, mas nesse caso tem uma baleia azul. A Igreja Evangélica Casa de Oração para Todos os Povos, na rua Cel. José de Castro, no bairro Santa Cruz, região Nordeste da cidade, atrai pessoas não apenas pela religiosidade, mas também pelo seu tamanho e formato. Os 35 metros de comprimento e dez de largura do prédio se destacam entre as casas tradicionais. E sim, ele foi construído seguindo o formato de uma baleia.Reprodução / Google Street View 

Prédio foi construído no formato de uma baleia

Abrigo Antiaéreo

Um dos edifícios mais tradicionais de BH, o Acaiaca "esconde" um abrigo antiaéreo da Segunda Guerra Mundial. O local foi construído após o presidente Getúlio Vargas assinar um decreto determinando que os edifícios com mais de cinco andares e prédios que ocupassem área superior a 1.200 metros tivessem a estrutura para proteção em caso de bombardeio aéreo. O local possui ventilação natural, refeitório e banheiros, porém nunca foi usado para abrigar as pessoas de um ataque.Reprodução / Arquivo Belotur / N/AAbrigo foi construído durante a Segunda Guerra Mundial

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por