veículos apreendidos

Duas pessoas são presas durante investigação de desvio de R$ 20 milhões da mineradora Vale

Gabriel Rezende
grezende@hojeemdia.com.br
30/06/2022 às 15:40.
Atualizado em 30/06/2022 às 15:44
Veículo Porche Macan, avaliado em mais de R$ 500 mil, está entre os bens apreendidos (PCMG / Divulgação)

Veículo Porche Macan, avaliado em mais de R$ 500 mil, está entre os bens apreendidos (PCMG / Divulgação)

Duas pessoas, de 43 e 45 anos, foram presas durante a segunda fase da operação Vale Ouro, que apura desvio de quase R$ 20 milhões da mineradora Vale. Policiais civis foram às ruas de Uberaba, no Triângulo Mineiro, na terça (28) e na quarta-feira (29). Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em casas e empresas ligadas aos investigados.

As prisões ocorreram por posse ilegal de arma de fogo e uso de drogas. Ambos foram levados para a delegacia de plantão. Um deles foi liberado após assinar o Termo de Compromisso e o outro teve sua liberação estabelecida mediante ao pagamento de fiança de R$ 20 mil. 

Entre os itens apreendidos, estão dois carros de luxo, sendo um deles um Porsche Macan (avaliado em mais de R$ 500 mil), R$ 10 mil em dinheiro, 596g de ouro, seis armas, munições, relógios, celulares e notebooks. Também foi determinado o bloqueio de conta dos envolvidos e a apreensão dos imóveis

Segundo apurado pelas investigações, uma organização criminosa desviou toneladas de fertilizantes da Vale entre 2016 e 2017. Teriam participado do esquema empresários, caminhoneiros, funcionários e ex-trabalhadores da mineradora.

Novas informações recebidas pelos policiais davam conta de que desvios de dinheiro continuavam. Dois dos líderes da organização continuavam a roubar fertilizantes de uma empresa vendida pela Vale em 2018.

As investigações seguem com análise dos aparelhos apreendidos. O inquérito está em fase final de produção, conforme a PC.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por