Violência

Pai e filho são indiciados após briga em reunião de condomínio em Vespasiano

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
13/04/2022 às 09:28.
Atualizado em 13/04/2022 às 10:26
 (Reprodução/Redes Sociais)

(Reprodução/Redes Sociais)

Pai e filho, de 50 e 27 anos, foram indiciados pela Polícia Civil, nessa terça-feira (12), após um desentendimento ocorrido durante uma reunião de condomínio em Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, no último dia 27 de março. 

Conforme informou a corporação, a apuração ainda indica que outros cinco condôminos envolvidos, considerados vítimas, agiram em legítima defesa. O residencial é fechado para militares e estava em reunião para aprovação de obras e prestação de contas.

O conflito teria iniciado quando o morador de 50 anos ficou descontente com o resultado da votação que aprovou, por maioria dos presentes, a prestação de contas que estava sendo apresentada. 

“Segundo levantado, as discussões evoluíram para agressões físicas, começando por parte do investigado contra um dos membros da presidência da associação ligada ao condomínio. Nesse momento, um condômino interveio, sendo agredido pelo filho do suspeito. A partir daí, houve uma briga generalizada com socos e cadeiradas”, informou a polícia. 

Todos os sete envolvidos foram comunicados de uma audiência no Juizado Especial Criminal da comarca.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por