O número de pessoas que contraíram Covid-19 durante a pandemia subiu para 22.043.112 no Brasil. Em 24 horas, as autoridades de saúde confirmaram 12.930 diagnósticos positivos da doença.

Ainda há 165.060 casos em acompanhamento, de pessoas que tiveram o quadro de Covid-19 confirmado.

Já o total de vidas perdidas para a doença chegou a 613.339. Desde ontem as autoridades de saúde registraram 273 mortes. 

Existem ainda 2.861 óbitos em investigação. Isso porque em alguns casos, o paciente faleceu mas a investigação sobre a causa ainda demanda exames e procedimentos posteriores.

Até esta quarta-feira (24), 21.264.713 pessoas já se recuperaram da doença no país.

Os dados estão no balanço diário do Ministério da Saúde, divulgado na noite de hoje. A atualização consolida informações sobre casos e mortes enviadas pelas secretarias estaduais de Saúde.

Boletim Epidemiológico do Brasil de 24 de novembro

Estados
Segundo o balanço do Ministério da Saúde, no topo do ranking de estados com mais mortes por Covid-19 registradas até o momento estão São Paulo (153.639), Rio de Janeiro (68.919), Minas Gerais (56.084), Paraná (40.759) e Rio Grande do Sul (36.007).

Já os estados com menos óbitos resultantes da pandemia são Acre (1.845), Amapá (1.999), Roraima (2.045), Tocantins (3.913) e Sergipe (6.040). Não houve novas mortes desde ontem no Acre e em Sergipe.

Vacinação
Até o início da noite desta quarta-feira, o sistema do ministério marcava a aplicação de 305,7 milhões de doses no Brasil, sendo 158,3 milhões da primeira e 133,5 milhões da segunda ou dose única (Janssen). Foram aplicadas ainda 13,2 milhões de doses de reforço.

 

Leia mais:

Nove cidades do Sul de Minas anunciam cancelamento do Ano Novo e do Carnaval
Anvisa aprova dose de reforço para vacina da Pfizer