Alexandre Kalil (PSD), reeleito à Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), voltou a falar sobre a possibilidade de concorrer à Presidência da República em 2022. Segundo o prefeito, ele não descarta uma candidatura, mas afirma que não ambiciona o cargo.

Em entrevista ao canal Globo News, nesta quarta-feira (2), Kalil disse ter consciência sobre ser um dos cotados para a próxima eleição, mas se vê apenas como um dos possíveis candidatos. No entanto, acredita que a capital mineira e, principalmente o Estado, precisam de maior representatividade em Brasília.

“Participar de articulações com o número (de votos) que eu tive em Belo Horizonte... acho que estou no jogo. Agora, não tenho essa ambição de ser o candidato. Acho que Belo Horizonte e Minas Gerais merecem estar nesse jogo, simplesmente isso, porque hoje não temos ninguém querendo participar desse jogo, num Estado tão importante”. 

O nome de Alexandre Kalil ganhou destaque nacional após ser reeleito em 1º turno, com mais de 63% dos votos válidos. Em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, na segunda-feira (30), o mandatário já havia levantado a hipótese de se candidatar.

“Eu não tenho nenhuma pretensão, sou prefeito eleito de Belo Horizonte, respeito a votação massacrante que tive. Agora, se eu for carregado para lá, muito obrigado, que eu topo”, disse, na ocasião.

Leia mais:

Kalil: ‘se a vacina funcionar, não tenho a menor dúvida que o governo vai comprar’

Kalil rebate Eduardo Bolsonaro: 'se não tiver picadeiro, não tem palhaço... é muito bobo'