O governo federal liberou recursos para obras de canalização de um córrego e implantação de bacia de contenção no bairro das Indústrias, região do Barreiro, em Belo Horizonte. O anúncio foi feito na tarde desta quinta-feira (6), pelo ministro das Cidades, Alexandre Baldy, que esteve na prefeitura da capital para assinatura do repasse de R$ 90 milhões em obras para o município.

O prefeito Alexandre Kalil (PHS) informou que, do dinheiro recebido, R$ 60 milhões serão destinados à canalização do córrego da rua Merselhas, no bairro Bonsucesso, e na construção da bacia. Outros R$ 30 milhões serão investidos na coleta seletiva e em programas de recolhimento de resíduos de construção.

O ministro das Cidades afirmou que estão assegurados ainda outros R$ 230 milhões para intervenções no córrego Cachoeirinha, na avenida Bernardo Vasconcelos, na região na Nordeste, palco de recorrentes enchentes. "Houve celeridade da prefeitura no processo de documentações e licenças, ajustes de contas. Esse recurso está assegurado e será anunciado terça ou quarta-feira da semana que vem", disse Baldy.

Vilarinho

Questionado sobre obras na bacia da avenida Vilarinho, local onde em novembro três pessoas morreram por causa da chuva, Kalil disse apenas que os valores para intervenção na área ainda demandam trâmites burocráticos da prefeitura.

Na semana que vem, o ministro das Cidades deve retornar à capital mineira. A expectativa é que, além de assinar a autorização dos R$ 230 milhões restantes, Baldy também anuncie recursos para a bacia da Vilarinho.

Leia mais:
Obras para acabar com enchentes na região de Venda Nova estão previstas para julho de 2019
PBH estuda colocar sirenes e placas luminosas para alertar sobre risco de inundação na Vilarinho
Inundações recorrentes na Vilarinho exigem solução complexa