Durante o Campeonato Brasileiro, as críticas à arbitragem foram muito comuns por parte dos técnicos, jogadores e torcidas. O Atlético é o time que mais teve penalidades a seu favor durante a competição. Foram nove marcadas e, ainda, outras oito que não foram consideradas. Diante disso, já circula o comentário de que o Galo, embora reclame da arbitragem, é líder por ser favorecido pelos árbitros.

O volante Jair deixou claro o que pensa. "A gente não está sendo favorecido, isso é o que a mídia fala. Se eu vier aqui falar da arbitragem, eu vou ficar o dia inteiro falando.  A gente vai ficar debatendo muito porque a arbitragem erra muito, erra para todos os lados, não só para o Atlético. Erram para todos os times, todos os times reclamam. A gente também tem que reclamar porque eles erraram muito no último jogo”.

Sobre as penalidades não marcadas para o Galo, o diretor de Futebol do clube, Rodrigo Caetano, chegou a se envolver em polêmicas com o VAR, sendo acusado oficialmente na súmula do jogo contra o Santos, em outubro, de chutar a porta da sala do árbitro. Nesta ocasião, o Alvinegro saiu vitorioso por 3 a 1, no Mineirão. O dirigente também veio a público, diversas vezes,  reclamar publicamente sobre a decisão dos árbitros em outros jogos. 

Finalizando esse assunto, Jair diz que discutir sobre arbitragem não é seu papel. “Meu papel é jogar. Deixa para a direção falar sobre isso”.

Leia mais:

Cinquenta anos depois, Cuca admite cumprir promessa de Telê se Atlético confirmar título brasileiro
Firme em busca de dobradinha na artilharia, Hulk está há quase um turno pendurado no Brasileirão
Quantas vitórias o Galo ainda precisa obter para ser campeão brasileiro? Veja os cenários possíveis