Cruzeiro

Empate sem gols entre Cruzeiro e Náutico, pela Série B, foi visto por 60.700 torcedores no Mineirão

Cinco dias depois de o Atlético registrar o maior público do Novo Mineirão, o Cruzeiro buscava ser novamente o dono desse recorde. Porém, a marca do arquirrival não foi batida. No empate com o Náutico, na noite desta quinta-feira (25), 60.700 torcedores estiveram no Gigante da Pampulha. Com ingressos a partir de R$ 10, a renda foi de R$ 1.347.180,00.

O maior público do Novo Mineirão foi registrado na vitória do Atlético sobre o Juventude, por 2 a 0, no último sábado (20). O triunfo do time alvinegro foi visto in loco por 61.476 pessoas.

Na partida diante do time gaúcho, os atleticanos quebraram o recorde que pertencia à final da Copa do Brasil de 2017, em que 61.017 acompanharam o triunfo do Cruzeiro sobre o Flamengo no Gigante da Pampulha.

A maior renda do no Novo Mineirão ainda é a final da Copa Libertadores de 2013. Na decisão entre Atlético e Olímpia, a venda de ingressos gerou R$ 14 milhões de arrecadação, sendo R$ 8,8 milhões líquidos.

Maior público do Cruzeiro em 2021

A partida contra o Náutico foi a de maior público da Raposa em 2021. A maior marca era da vitória sobre o Brusque, em que 34.687 pagantes viram a vitória cruzeirense por 2 a 0.

Leia mais:
Pedro Lourenço diz que Manoel voltará ao Cruzeiro e que Willian Bigode também pode retornar