A vinda de atletas como Zárate e Berrío para o América chamou atenção de muitos torcedores e repercutiu bastante na imprensa, incluindo a do exterior. E deixou claro que o Coelho não está medindo esforços para tornar seu elenco cada vez mais forte na luta pela permanência na Série A do Campeonato Brasileiro.

Tais contratações, inclusive, estão dentro do orçamento previsto pela agremiação no início da temporada, ou seja, não estão ferindo a saúde financeira do Alviverde. É o que relata o coordenador de futebol clube-empresa, Marcus Salum, em entrevista ao Hoje em Dia.

"O orçamento foi definido no início do ano, o trabalho está todo lastreado nesse orçamento, e estamos fazendo todo o esforço pelo objetivo do ano que é a permanência na Série A. São contratações nesse sentido. Este é o projeto do América neste ano. Não está faltando esforço, nem ousadia. E o trabalho tem seguido a direção da nossa manutenção. Temos que reverter as dificuldades no segundo turno", afirmou o dirigente.

Com vínculo firmado até o fim da temporada, o argentino Zárate será apresentado na tarde desta sexta-feira (3), no Independência.

América

Marcus Salum (à esq.) e Euler Araújo (à dir.) na apresentação do atacante colombiano Berrío

Clube-empresa

Dentro de campo, a permanência na Série A é a grande meta do América em 2021. Fora das quatro linhas, o Coelho segue seus passos para se tornar clube-empresa, situação que, de acordo com Salum, não vai acontecer de uma hora para outra.

"A negociação com clube-empresa começou no ano passado, e nós não tínhamos subido ainda. Depois encaminhamos um memorando de investimentos com um grupo e que está em andamento. E esse grupo está discutindo a governança, a forma de dividir os poderes... E confesso que é mais difícil do que eu imaginava. Então, a negociação está se arrastando”, ressaltou.

Ele afirmou ainda que o projeto vai se tornar realidade, independentemente se o time permanecer ou não na elite neste ano.

“Logicamente há uma expectativa do investidor de que a gente fique na Série A. Se vai atrapalhar ou não (um hipotético rebaixamento), só o tempo irá dizer. Mas o América não vai abrir mão do projeto clube-empresa, independentemente da divisão que estiver”, disse.

Leia mais:
Contratação de Zárate ratifica ‘nova ordem’ no América, visando à permanência na Série A
Principal contratação da temporada, Mauro Zárate tem o número da camisa divulgado pelo América