Belo-horizontinos de 53 e 54 anos com comorbidades serão vacinados contra a Covid-19 nesta terça-feira (11). A ampliação da faixa etária a ser protegida se estende na quarta (12), chegando aos moradores de 50 a 52 anos.

Novos públicos foram anunciados após a prefeitura receber mais imunizantes contra o novo coronavírus. Ao Estado, chegaram novos lotes da Pfizer e da CoronaVac.

Vacinação

Vacinação de pessoas com comorbidades lotou postos de saúde no último sábado (8)

Nesta terça, serão vacinados moradores com comorbidades de 53 e 54 anos completos até 31 de maio, que tenham feito o cadastro no site da PBH, e pessoas com deficiência permanente incluídas no programa Benefício de Prestação Continuada (BPC) que tenham de 45 a 54 anos completos até o último dia deste mês.

Já no dia seguinte será a vez de belo-horizontinos de 50 a 52 anos, gestantes e puérperas acima de 40 receberam as doses contra a Covid-19.
A vacinação das pessoas com comorbidades está sendo realizada em pontos fixos exclusivos, das 8h às 16h. Os endereços estão disponíveis neste link

Nesta segunda-feira (10), a PBH aumentou o número de locais de imunização. No sábado (8), houve lotação nas 18 unidades disponibilizadas. Agora são 36 centros de saúde.

No local de vacinação, é preciso apresentar documentos como exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica. Esse material deve conter o nome e o número do registro do profissional no respectivo conselho de classe, de forma legível, e ter sido emitido em até 12 meses antes da data do cadastro.

Segunda dose

Nesta segunda, a PBH também anunciou a retomada da aplicação da segunda dose da CoronaVac em idosos de 67 anos

Moradores de 64 e 67 anos estão sem receber a segunda dose desde o início deste mês, quando a capital foi obrigada a suspender a imunização por causa da falta do imunizante fabricado pelo Instituto Butantan, ligado ao governo de São Paulo, em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac.

Porém, um novo lote do composto químico chegou ao Estado no último sábado, possibilitando a volta da vacinação desse público.

*Com Rosiane Cunha

Leia Mais:
Belo Horizonte registra aumento nos três indicadores da pandemia durante o fim de semana
Kalil diz que BH pode vacinar até 50 mil pessoas por dia contra a Covid-19
CDL consegue na Justiça autorização para reabertura do comércio de BH aos domingos