Moradores de Belo Horizonte com 35 anos poderão receber a segunda dose contra a Covid-19 nesta sexta-feira (22). Conforme calendário divulgado pela prefeitura da capital, a campanha de imunização segue com aplicações da segunda e terceira doses, além de uma data para repescagem (veja o calendário completo no fim da matéria).

Só podem se vacinar nesta sexta as pessoas cuja data no cartão de vacina, que deve ser apresentado, esteja marcada para até 29 de outubro. Também é preciso levar documento de identidade, CPF e um comprovante de residência na metrópole.

Locais e endereços

A vacinação na capital não acontece mais aos fins de semana. De segunda a sexta-feira, os centros de saúde e postos extras ficam abertos das 8h às 17h. Quem preferir, pode ir até uma das unidades drive-thru, que atendem das 8h às 16h30. Os locais podem ser consultados neste link.

Quatro endereços também estão abertos para imunização em horário noturno. Só pode se vacinar nesses espaços o público convocado para aquele dia específico. Confira:

  • UFMG Campus Saúde (Escola de Enfermagem): avenida Professor Alfredo Balena, 190 - Santa Efigênia – Funcionamento das 12h às 20h
  • Faculdade Pitágoras: rua dos Timbiras, 1.375 - Funcionários – Funcionamento das 8h às 20h
  • UNA-BH: rua Aimorés, 1.451 - Lourdes – Funcionamento das 8h às 20h
  • Faminas-BH: avenida Cristiano Machado, 12.001 - Vila Clóris – Funcionamento das 8h às 20h

Veja o calendário completo divulgado pela PBH até o dia 29:

  • Dia 22, sexta-feira: segunda dose para pessoas de 35 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 22 as pessoas de 35 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 29 de outubro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte; 
  • Dia 25, segunda-feira: - dose de reforço para idosos de 69 e 68 anos, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo; - segunda dose para adolescentes de 17 a 12 anos com comorbidades, deficiência permanente, gestantes, puérperas e lactantes. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte. Para se imunizar, os adolescentes de 15 a 12 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais. Já os jovens de 16 e 17 anos não precisam de acompanhante; 
  • Dia 26, terça-feira: segunda dose para pessoas de 34 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 26 as pessoas de 34 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 2 de novembro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte; 
  • Dia 27, quarta-feira: segunda dose para pessoas de 31 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 27 as pessoas de 31 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 3 de novembro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte; 
  • Dia 28, quinta-feira: - repescagem de dose de reforço para idosos e trabalhadores da saúde já convocados, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo;  - repescagem de dose adicional para pessoas com alto grau de imunossupressão já convocadas, cuja segunda dose tenha completado 28 dias;
  • Dia 29, sexta-feira: - dose de reforço para idosos de 89 anos e mais, cuja segunda dose tenha completado 6 meses ou que faltem até 15 dias para completar este prazo; - segunda dose para pessoas de 30 anos. Só poderão tomar a segunda dose no dia 29 as pessoas de 30 anos cuja data do cartão de vacina esteja marcada para até 5 de novembro. É necessário levar o cartão de vacina, o documento de identidade, CPF e comprovante de residência em Belo Horizonte.

Leia mais:
Quase 60% dos mineiros já estão completamente vacinados contra a Covid-19
Taxa de incidência da Covid-19 cai 35% em duas semanas em Minas