O corpo de mais uma vítima da chuva em Minas Gerais foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros nesta sexta-feira (31). Trata-se de um homem que havia sido levado pela correnteza em Conselheiro Lafaiete na noite do último dia 24. Com isso, o número de mortes em incidentes causados pela chuva em Minas Gerais sobe para 56. Não há mais nenhum registro de desaparecido. 

Até esta sexta, 196 cidades mineiras decretaram situação de emergência por causa dos temporais, o que representa quase 23% do número total de municípios do Estado. 

As 56 mortes contabilizadas pela Defesa Civil de Minas Gerais aconteceram entre os dias 24 e 30 deste mês, e a maior parte delas ocorreu em Belo Horizonte, onde foram constatadas 13 vítimas. 

No total, 42 pessoas morreram por causa de soterramentos, desmoronamentos ou desabamentos, outras 10 foram, incluindo a última vítima em Conselheiro Lafaiete, foram arrastadas pelas águas e quatro morreram afogadas. 53581 pessoas já tiveram que deixar suas casas por causa das chuvas. 

Leia mais:

Cidades mineiras castigadas pelas chuvas pedem suspensão de tributos estaduais
Em reconstrução: veja o antes e o depois de locais castigados pela maior chuva da história de BH
Em uma semana, bombeiros atendem a mais de 1.800 ocorrências em Minas